Home / Notícia / Cartório recusa registrar nome de bebê por ser muito difícil e pais recorrem à justiça

Cartório recusa registrar nome de bebê por ser muito difícil e pais recorrem à justiça

Uma família do oeste do Paraná teve seu pedido para registrar nome do filho recusado e recorreu à justiça. O que causou todo o transtorno foi o nome Rerynk. A família já tinha feito todo o enxoval do bebê com o nome.

O cartório se recusou a registrar o nome por considerar muito difícil de se pronunciar e porque poderia causar constrangimento à criança no futuro.

O pai escolheu o nome após um sonho que ele teve. “Eu achei interessante colocar o nome do nosso filho de Rerynk, pelo fato que ninguém tinha. É um nome inusitado, diferente. Foi um sonho que eu tive com o nome. A família toda aceitou numa boa”, comentou o pai, Renato Soares de Mendonça, ao G1.

O oficial de registro Átila Borges da Rosa explicou que o nome “Rerynk” se enquadra no que se refere à dificuldade de pronúncia.

Cartório recusa registrar nome de bebê por ser muito difícil e pais recorrem à justiça

REGISTRAR NOME
Cartório recusa registrar nome de bebê

“Nesse caso em específico, entendendo que o nome possa causar algum tipo de dificuldade na pronúncia pelos demais membros da sociedade. Em razão do que dispõe a legislação que norteia a nossa atividade é que foi encaminhado para o juiz corregedor para que desse o parecer final e conclusivo”, disse ao G1

Depois de analisar o caso, o juiz Arthur Araújo, da Vara Cível de Assis Chateaubriand, decidiu manter o nome escolhido pela família. “A lei não proíbe o ineditismo”, justificou o juiz. A família conseguiu registrar o menino 20 dias após seu nascimento

Quais casos o cartório pode negar?

De acordo com a lei federal 6.015, de 1973, o oficial de cartório pode negar o registro de nomes vexatórios ou que possam expor a pessoa ao ridículo no futuro. Mas isso irá depender totalmente do bom senso dos pais e do profissional.

Curta Nossa Fan Page

Check Also

CIRCUNCIDADO

Mãe acusa ex-marido, ex-sogra e médico de terem circuncidado seu filho sem permissão

Mãe acusa ex-marido, ex-sogra e médico de terem circuncidado seu filho sem permissão esse caso …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *